Desdobramentos para Mega-Sena

Casino lisboa contactos

Desdobramentos para Mega-Sena

Loterias

Sistema 4 de 4 - 30 nГєmeros com 3500 jogos

  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
  • 44
  • 45
  • 46
  • 47
  • 48
  • 49
  • 50
  • 51
  • 52
  • 53
  • 54
  • 55
  • 56
  • 57
  • 58
  • 59
  • 60

Valor de aposta aproximado. Antes de apostar, confira o valor real na sua casa lotГ©rica.

A garantia de prêmio deste desdobramento é 4 de 4, ou seja, você irá obter no mínimo um volante de 4 pontos ao acertar 4 dezenas sorteadas. Abaixo você poderá realizar simulações para verificar como o sistema se comporta ao acertar mais ou menos dezenas.

Como selecionar dezenas variГЎveis: Clique sob a dezena deseja com o botГЈo esquerdo do mouse. A dezena selecionada ficarГЎ verde.

Como selecionar dezenas fixas: Há duas situações onde as dezenas fixas podem ser selecionadas, como por exemplo, após selecionar todas as variáveis do jogo ou durante a seleção das dezenas variáveis. Caso tenha selecionado todas as variáveis disponíveis, clique com o botão esquerdo do mouse sob a dezena deseja e ela ficará de cor laranja, indicando a dezena fixa.

Caso ainda haja variГЎveis no jogo, clique com o botГЈo esquerdo do mouse para selecionar o nГєmero como variГЎvel e depois clique novamente sob ela, ficando assim de cor laranja.

Para remover a seleção, basta apenas clicar sob a dezena desejada e ela ficará azul novamente.

Site disponibiliza milhares de jogos em Flash para download

Site disponibiliza milhares de jogos em Flash para download

Com o fim anunciado do Flash, empresa fez um acervo de quase 40 mil tнtulos disponнveis de forma gratuita para quem nгo quer perder essa parte da 'histуria' da web

Com o fim anunciado do Flash, empresa fez um acervo de quase 40 mil tнtulos disponнveis de forma gratuita para quem nгo quer perder essa parte da 'histуria' da web

Em 2017, a Adobe anunciou que nгo suportaria mais o Flash atй o final de 2020. Quem estб na internet hб bastante tempo provavelmente tem memуrias de passar horas se divertindo em jogos feitos em Flash em diversos sites da web. Com o fim do suporte, todos esses games nostбlgicos se perderiam. Mas o pessoal do Flashpoint nгo quer deixar isso acontecer.

O site faz o possнvel para reunir o maior nъmero de jogos em Flash, depois os disponibiliza para download e permite atй jogar offline. Atй o momento, sгo mais de 38 mil jogos e animaзхes salvos e disponнveis para download. A lista й enorme, e qualquer pessoa pode sugerir games para a empresa adicionar ao acervo.

A bit late to the party on this, but BlueMaxima’s Flashpoint is really incredible - basically one modest Windows download and you can play 38,000 flash games, completely searchable, automatic and free. So much culture saved from the jaws of death pic.twitter/Zu6eL8uwrI

Apуs o anъncio sobre o fim do Flash, muitas empresas migraram para o Unity ou o HTML5, mas ainda existem muitos jogos que de fato serгo perdidos ao final deste ano. E, embora os games em Flash nгo sejam comparбveis aos que jogamos hoje em dia, eles foram uma parte importante da histуria da internet, e a porta de entrada para muitas pessoas no mundo dos jogos.

Muitos desses jogos ajudaram a criar nгo apenas jogadores, mas desenvolvedores. Existem alguns games muito populares hoje em dia que comeзaram a vida como jogos em Flash (й o caso de Binding of Isaac, por exemplo). E mesmo que nem todos os jogos em Flash jб feitos sejam bons, eles ainda valem a pena preservar.

Hб duas versхes do Flashpoint para download: Infinity e Ultimate. A primeira permite baixar seus games enquanto os joga; a melhor opзгo para quem nгo tem muito espaзo de armazenamento disponнvel. Jб a segunda oferece essencialmente toda a biblioteca de jogos da Flashpoint, que basicamente consiste em quase 40 mil jogos diferentes - porйm, sгo 241 GB para baixar.

Й uma уtima opзгo para matar as saudades do passado e fazer uma sessгo nostalgia com os amigos - e, й claro, a soluзгo perfeita para aquelas tardes entediantes de sбbado.

Cliente da Vodafone com tarifário “ilimitado” recebe fatura de 3500 €

Cliente da Vodafone com tarifário “ilimitado” recebe fatura de 3500 €

A Vodafone lançou em setembro de 2019 o seu tarifário “ilimitado”, o RED Infinity. Tal como o nome sugere, este é um tarifário com chamadas, SMS e dados móveis ilimitados. Mas, ao que parece, não é bem assim!

Um cliente da Vodafone, com este tarifário “ilimitado”, recebeu uma fatura de 3500 euros por dados consumidos.

A Vodafone foi a primeira a lançar um tarifário ilimitado. A operadora disponibilizou no mercado nacional uma nova opção tarifária, sem limites, em duas versões:

  • Red Infinity– ideal para quem usa a internet móvel principalmente para aceder às redes sociais, ouvir música online ou ver vídeos em HD, entre outros. Com velocidade móvel até 10Mbps, este tarifário encontra-se disponível por €39,9/mês.
  • Red Infinity Giga – ideal para quem quer tirar o máximo partido do seu telemóvel sem limites de comunicações para fazer downloads imediatos, jogar online ou ver vídeos em 4K. Com velocidade móvel até 1Gbps, este tarifário encontra-se disponível por €49,9/mês.

Tarifário ilimitado da Vodafone trama cliente

Tarifário ilimitado da Vodafone trama cliente

Um cliente Vodafone com o tarifário Red Infinity Giga recebeu recentemente uma fatura do serviço com uma avultada quantia para pagar. Ao todo são 3 499.48 euros (com iva) em comunicações.

Tal como se pode ver pela imagem seguinte, afinal o tarifário ilimitado tem um limite! Segundo a Vodafone, o cliente gastou mais 29,7 GB que o que está estipulado para o tarifário Red Infinity Giga. Por este “gasto extra” a Vodafone apresentou um valor de 2894.54 euros. Contas feitas dá cerca de 96 euros (sem IVA) por cada GB adicional.

Segundo informações das Condições do serviço móvel da operadora…

A Vodafone reserva-se o direito de aplicar medidas restritivas à utilização do Serviço móvel de modo a evitar que seja esgotada a capacidade num segmento de rede ou impedir que a capacidade contratada seja ultrapassada, as quais terão um caráter excecional, face aos níveis de serviço contratados. Estas medidas visam garantir a integridade da rede da Vodafone e uma utilização com qualidade do serviço por parte dos restantes utilizadores, sendo temporárias e equitativas relativamente aos diferentes utilizadores com o mesmo tarifário/pacote.

Por agora ainda não existe nenhuma informação da Vodafone sobre este caso. Pode simplesmente tratar-se de um engano, no entanto, a verdade é que a fatura chegou assim ao cliente.

Atualização: A operadora indicou que se tratou de um engano.

Leia também…

Leia também…

Pedro Pinto

144 Respostas

96€ + IVA por GB? Parabéns Vodafone, conseguiram numa era digital cobrar um valor por GB simplesmente ridiculo.
Estas operadoras (todas) mais os seus asteriscos. Se querem dar ilimitado, dêem ilimitado. Pois a Vodafone sabe que nem tem uma forma eficiente do cliente controlar por dia quanto é que ja gastou do que era suposto ser ilimitado. Sim existe uma PUA, mas existe forma do cliente a qualquer momento saber que já passou a PUA? Não. Então deixem de ter pequenas linhas que só visam na verdade tirar o significado real das palavras daquilo que escrevem em letras gordas. Ex: Ilimitado (em letras pequenas depois diz: com limite 500GB) Mais transparência, melhores metodos para o cliente controlar o que gasta, e menos oportunismo, é o que se pede em 2020 para todas as operadoras

Na app da Vodafone dá para ver quando se gastou do total de dados.

Tal como disse o Ajsmonteiro em alguns casos a App de nada serve. Até nos tarifários empresariais, fazer o controlo é uma anedota. Portanto o cliente não consegue controlar se está a chegar ao ”limite” do seu tarifário ”ilimitado”, e depois brindam-no com isto. Falta saber se houve sms a avisar aos 80% e 100% como fazem na Yorn ou se nem isso.

O problema de chegar a msg dos 100% é que de seguida receberá outro a dizer que foi adicionado X por o valor Y.
Já tentei, já reclamei, já escrevi no livro amarelo. Para que quando chegar aos 100% simplesmente cortar o acesso a internet e caso eu queira adicionar eu é que peço um extra. Mas não, não me deram solução nenhuma dizem que è assim a política deles.
Filhos de uma grande P-&@

E têm capacidade tecnológica para isso e muito mais. É mesmo uma forma de comer os clientes. Outras operadoras permitem o bloqueio de dados após esgotarmos o pacote.

Cá em casa todos os telemóveis estão cortados após esgotarem o plano,(Meo) não entendo como a Vodafone não o consegue fazer.

Os meus tarifários Vodafone estão todos cortados após o fim do plafond de dados móveis, creio que só este ano 2019 passou a ser possível esse controlo.

Nem devia haver PUA. Já não bastou a palhaçada deturpada que foi e é a neutralidade da net, que nenhum operador em Portugal cumpre e agora ainda cobram 96€/Gb. Eu não pagava. Ilimitado significa ilimitado, não “valor alto mas com limite a partir do qual te vamos imputar custos ridículos”.

A mim cobraram uma chamada de 1660 segundos (5€) e no segundo seguinte outra chamada de 5500 segundos incluida no plano, e dez segundos depois outra de 60 segundos incluida no plano… Provaram então a primeira viagem no tempo…

Concordo com as restrições para evitar abusos mas 96€ sem iva por GB é um abuso, por parte da Vodafone.

+1
E esse limite parece-me um valor bem generoso: 548.3 GB

Carlos para ti meio Tera é infinito… estas a parecer o Paulo Portas de não sabe o que é irrefutável

Aqui onde vivo (Finlândia), a norma é não haver restrições a nivel de uso de dados móveis. E isso não implica uma perca de qualidade de serviço.

Isso é apenas uma desculpa das operadoras a dizerem pouco mais que “temos uma infra da treta sem capacidade de suportar o serviço que nós próprios publicitamos e vos cobramos uma mensalidade”

nao compares um pais desenvolvido com portugal …
as coisas aí sao bem diferentes da tugalandia lol …

Olha que para MIM, Portugal a nível de velocidades e tecnologias é bem melhor que em França! A frança é uma verdadeira merd com as redes de telefone. Depois em França tem melhores planos(mas não deixam de ser ladõres)

Em frança pago 25€ (+/-) com 50gb internet, chamadas ilimitado + sms ilimitado. E ainda com telefonemas para o estrangeiroAgora se passo os 50gb, eu posso aceder à internet mais com pequena velocidade.

No meu tarifario, quando esgoto os dados mensais, são 2€ por 100Mb

“ilimitado” é no mesmo sentido que no “iPhone”. Paga-me mais pelo “i” atrás. Deviam ter escrito “iLimitado”, para o cliente perceber que ia estar a usar um serviço de luxo, com o custo de 100€ por GB acima do limite.

provalmente foi uma gralha ortográfica… queriam escrever “e limitado” mas os marketeers acharam que ficaria mais giro “ilimitado” a querer dizer “e limitado”…

Abusos?? Pagas 50€ de tarifário Ilimitado e achas que não tens direito a fazer o que bem quiser??
Então tem de ser bem explícito 50€ de tarifário da 100g de NET.
Não há cá m€r@# do ilimitado que não é ilimitado

Abusos?? Pagas 50€ de tarifário Ilimitado e achas que não tens direito a fazer o que bem quiser??
Então tem de ser bem explícito 50€ de tarifário da 100g de NET.
Não há cá m€r@# do ilimitado que não é ilimitado.
A ANACOM, a defesa do consumidor, em vez de andar a mamar, deviam era processar todos as empresas que divulguem banha da cobra.
Ou está explícito nos anúncios o valor e o paflon que tem de internet, chamadas ou se é publicitado ilimitado tem de ser ilimitado. Ponto final.

Abusos?? Pagas 50€ de tarifário Ilimitado e achas que não tens direito a fazer o que bem quiser??
Então tem de ser bem explícito 50€ de tarifário da 100g de NET.
Não há cá m€r@# do ilimitado que não é ilimitado.
A ANACOM, a defesa do consumidor, em vez de andar a mamar, deviam era processar todos as empresas que divulguem banha da cobra.
Ou está explícito nos anúncios o valor e o paflon que tem de internet, chamadas ou se é publicitado ilimitado tem de ser ilimitado. Ponto final.
Seja o ilimitado o limite de 1000GB ou de 1 GB tem de estar explícito. E deixa de ser ilimitado.

Qual abuso? Afinal será que sei o significado da palavra ilimitado?

O que concordas então é com publicidade enganosa. Se é “ilimitado” , então por defeito não há abuso. Se não é ilimitado que não o publicitem como tal. O único abuso é o da empresa para com o prospectivo cliente

“Estas medidas visam garantir a integridade da rede da Vodafone e uma utilização com qualidade do serviço por parte dos restantes utilizadores”
Aquele momento em que sabes perfeitamente que é BS.

Deixar continuar a consumir e apresentar a fatura só depois, deve ter ajudado imenso a manter a integridade do serviço.

Isto não cheira nada bem…
Se existe um limite tem de ser claro no tarifário. Ou seja, tem de estar preto no branco qual o valor mensal de dados incluído e a partir de que valor é que é pago à parte, assim como o valor a pagar por cada consumo extra pacote.
Para além disso o que supostamente foi feito não bate certo com o que diz nas condições: “A Vodafone reserva-se o direito de aplicar medidas restritivas à utilização do Serviço”. Aplicar medidas restrititivas implicaria limitar ou cortar o serviço, não é a mesma coisa que continuar a fornecer o serviço com pagamentos extra.
Ou a história está mal contada ou então é mesmo um caso de má fé e aplicação de condições não descritas no serviço por parte da Vodafone.

Ilimitado é ilimitado. A haver contenção devia estar explicita (em número no contrato). As condições de serviço são muito vagas na restrição. No limite, como bom sensoenviavam SMS a alertar.

A vodafone tinha isso bem claro nos contratos. Quando dizem nos Yorn que as apps de redes sociais e chat não gastam dados na realidade no contrato diz que são limitadas a 15Gb por mês. Para estes ainda nao perdi tempo a verificar.

Mas está bem claro onde??
É publicidade enganosa, no flyers, nas publicidades televisivas, nos posterssó aparece referência ao ilimitado.
No mínimo dos mínimos teria de ser obrigatório, era obrigarem já que pode suscitar dúvidas ( pois não é ilimitado), o mesmo tamanho de letra onde aparece o tecto máximo do “ilimitado”.
Até no Brasil as leis da defesa do consumidor obrigam a isso.
Se não cumpridas ou não já não sei.

A limitar deveria ser por redução da velocidade. Mas acho mal os tarifários chamarem-se de “Infinity” e de ilimitados e na verdade terem um limite. Deveria ser tudo claro, sem ter de andar nas letras miudinhas. Isto haveria de ir para tribunal a ver se alguém tinha coragem de os meter no sitio.

“A Vodafone lança hoje o primeiro tarifário em Portugal com chamadas, SMS e dados móveis ilimitados: o RED Infinity.”

“A pensar em todos os Clientes que querem viver sem preocupações de consumo, a Vodafone acrescenta no mercado nacional uma nova opção tarifária, sem limites, em duas versões:” – HAHAHAHA

Nada na página das condições detalhadas do tarifario, acerca de nenhum limite:

Atenção que acabei de ler noutra fonte que afinal o cliente teria usado este tarifario como um router. A coisa não é tão simples assim.

Irrelevante.
E ilimitado continua a significar ilimitado

Não é irrelevante pelo facto de que o tarifário é para uso pessoal e não coletivo (conforme está nas condições). Agora, não parece que o justo seja a cobrança de um valor absurdo, mas sim o contacto com o utilizador ou o corte/limitacao de serviço quando se prova que está a ser mal usado.

Não é irrelevante. Em Inglaterra também há tarifários ilimitados, mas se meteres o telemóvel como hotspot, o consumo de dados já conta. E acho muito bem.

Os termos de utilização proíbem? Genuinamente curioso, não faço ideia se sim ou não…

Então ??
Eu faço isso todos os dias uso o meu telemóvel no carro a servir de router para o rádio do carro que é Android.
Se o nosso telefone permite isso e já que pago um tarifário Ilimitado, posso partilhar a NET com quem quizer.
Tu em tua casa quando vai lá visitas também não partilhas a tua net?
É igual.

Continua a ser simples.
Apesar da vodafone mencionar que o trafego é para uso pessoal, nada nos termos mencionados no contracto e no site menciona que é pruibido o uso num rooter, num hotspot, ou PA movel estes serviços apesar de permitirem a partilha de Internet tambem podem ser usados para uso esclusivo pessoal. E essa é a rasão pela qual a vodafone anulou a fatura, a vodafone não tem como provar que o serviço não foi usado como uso pessoal visto que ativares o PA movel para usares o teu portatil para ir a net é claramente uso pessoal e dentro dos limites do contrato. Quem percebe o minimo de redes sabe que a vodafone não tem como provar que ouve mais que um utilizador a usar a net visto que os requests da ligação foram todos feitos pelo mesmo IP (rooter, smartphone, etc…) visto que a vodafone não tem acesso ao que esta do outro lado desse IP e mesmo que tivesse a vodafone acesso se não tiver estipulado no contrato vai contra normas de Privacidade da UE. O uso excessivo de dados só por si não significa multiplos utilizadores. Ó voces pensam que a vodafone anularia a fatura por ser Natal XD.

Qualquer dia é como nós states em que há vários diferentes tarifários “ilimitados”. Há o ilimitado de 20gb, o de 30gb, por aí fora. Já andamos por cá mais longe desse ridículo

“Ilimitado”, a Anacom devia controlar estas desinformações.

A ANACOM devia proibir o uso da palavra “ilimitado” ou é ou não é. Prefiro que digam LIMITADO do que ilimitado, estão a enganar os clientes.

Ninguem põe ordem na casa, ninguem quer saber. Termos como “ilimitado” não podem existir quando realmente não existe! E mesmo que exista uma politica de uso aceitável, deviam por “limitado a 10TB mês máximo” e nunca ilimitado!

Esse cliente devia ir a tribunal e obrigar a VDF a pagar uma indemnização! Quem é que esta errado, é o cliente? Não! Não é! É a vodafone.

Concordo ! Simplesmanete a ANACOM anda a dormir e por mais este exemplo vê-se que as operadoras fazem o que muito bem lhes apetece. Mais, as práticas de marketing agressivas deviam ser proíbidas, não são claras e permitem o operador atuar da forma como entender e quem perde sempre no final é o utilizador !

Eu acho é que se devia de criar uma comissão de clientes e criar um abaixo assinado para se discutir, na assembleia da república, a proibição de tarifarios com a palavra ilimitado mas que na realidade nao são.

E onde anda a autoridade da concorrência e a ASAE? Autorizam um plano que se chama ilimitado que afinal tem limites bastante baixos. É como ir a um buffet ” all you can eat” e não poder comer mais do que um prato…

É ilimitado? Ou é limitado afinal?
A ser verdade este artigo a Vodafone é uma vergonha! Alguém deveria processar a operadora e impedi-la até de continuar a operar em Portugal que isto é inadmissível a ser verdade este artigo.
A ser verdade deveria ter explícito na publicidade tudo incluindo limites, como impedir de ir além do limite e quanto fica se ultrapassar o limite.

E a conversa dos abusadores não faz sentido nenhum em termos de tráfego, somente na largura de banda quanto muito… e mesmo assim deveria estar escrito tudo isso, nomeadamente o que é “abuso” numa utilização dita normal da Internet… porque se o ilimitado é por exemplo 30 GB de tráfego então não é ilimitado coisa nenhuma… ou se baixa a velocidade do máximo publicitado para por exemplo 128 Kbps, então também é defraudar as legítimas expectativas do cliente.

O habitual, vendem tarifários com dados ilimitados depois usam a política de utilização responsável para quando lhes apetecer combrar mais uns trocos.

Se o utilizador usou mais 29gb do que o estipulado, então significa que estamos a falar de um tarifário com limite, logo publicidade enganosa.

A verificar-se ser esta a posição da Vodafone, o serviço não só não é ilimitado, como vai totalmente contra a própria expressão:”viver sem preocupações de consumo”.

Eu em França tenho um tarifário ilimitado por 60 euros mas e ilimitado para tudo ate chamadas
Portugal está uma vergonha
Entre oa 300gb e os 400gb e o que faço por mês.

Hahahahahahaha OMG 300gb por mês de net móve gastas… Hahahahahahaha tens um servidor

E achas normal pagares 60€ de tarifário por mes? Para que? Para teres um contrato de 24 meses, e falta dizeres que esses 60€ e o tarifário + o telefone que andas a pagar todos meses durante os 24 meses!
300Gb por mes? Na deves ter net em casa hahaha

@Hugo,
Nao vejo isso por aí, vejo é que fora de Portugal tens melhores salários e os precos das coisas sao mais baixos.

Eu por exemplo, contrato 24meses, tudo ilimitado, telefone topo de gama e pago £37 por mes.

Se tivesse o tarifario sozinho, pagaria £25 ou assim, o que fará com que o telefone que custava £900 se tivesse comprado fora de contrato me custe menos de £300.

Na maioria dos casos fica mais barato comprar em contrato que comprar a pagar a frente.

Quanto aos 300 a 400gb também fiquei na duvida, tenho tarifario ilimitado e a minha media dos ultimos 6 meses foram 27gb

@Louro eu sei o que dizes eu também vivo em FR e realmente compensa a solução eu só respondi mais porque o user entrou aqui a cagar postas de pescada que paga 60 paus e gasta X de GB por mes etc…

Toda a gente a falar do operador, mas sejamos sinceros…
Quem gasta 500GB num mês num telemóvel?
E sim, a Vodafone pode invocar uso indevido visto que, conforme condições, a net e para uso pessoal e exclusivo no dispositivo, ou seja, não é para fazer de hotspot para a família inteira e vizinhos.
E ninguém em seu perfeito juízo gasta meio tera num telemovel

Ou vens de parte da Vodafone, ou isso já é a imbecilidade a roçar a inépcia. Então eu como cliente não posso fazer download de filmes em 4k?? Não posso fazer download do que eu quiser?? Onde é que isso implica que eu partilhei com a família?
Lol

E da prova?!
Eu tenho um hotspot Kanguru XL, da Nos – há anos – e inclui tráfego ilimitado. Nunca me vieram cobrar nada extra…

Alguem em Portugal pensa que perfeito juizo e’ comprar um tarifario ilimitado que nao e’ ilimitado?
Se comprou um tarifario ilimitado, e’ para usar de forma ilimitada, sem que o Ze da Aldeia que so faz downloads de MMS ache que ninguem gasta 500GB num mes num telemovel.
Deve ser da Vodafone…

Se o contrato diz ilimitado e ate o nome do servico diz ilimitado entao tem de ser ilimitado.
O cliente ate pode estar a fazer downloads a velocidade máxima possivel 24/7 o operador nao tem de cobrar 1 centimo a mais.

Se o contrato especificar que não pode usar como hotspot, aí tudo bem…mas sabes que podes activar o hotspot do smartphone para uso exclusivamente pessoal?! …para usar no portátil, por exemplo.

Agora, não é da tua conta se o cliente usou 500GB ou 100, ou até 1TB. Se é ilimitado, assim tem de ser. A prova disso é a Vodafone já ter assumido como ter-se tratado de um engano.

A mania do Tuga em achar que se ele próprio não precisa de algo, então mais ninguém precisa.

Numa era onde smartphones têm ecrãs do tamanho de muitos tablets, parece-me mais do que aceitável que se usem tantos dados móveis. YouTube, Netflix e afins com ficheiros grandes, por exemplo.

Então nenhuma empresa de perfeito juízo vende é um tarifário como ilimitado. Se é ilimitado, não há tal coisa como “uso indevido” por gastar mais que x dados.

Qualquer dia é como nós states em que a mesma operadora vende vários níveis de “ilimitado”.

Porquê que não posso, por exemplo descarregar torrents no telemóvel? Não estou a fazer uso não pessoal nem a partilhar NET com ninguém. Não é exatamente para este tipo de coisas que um tarifário ilimitado supostamente serve?

Eu é que não tenho carteira para um tarifário desses, mas na boa que te gastava 500Gb no telemóvel.
Aliás já uns anos em casa já chegamos a gastar mais de 5TB por mês. ”
É muito é, mas e então nunca me chegou uma carta da nos com 3000€ a casa

Ninguem tem NADA a ver com isso, até podia gastar 500TB, se paga por ilimitado deve ter ilimitado.

Segundo este artigo, um filme em 4K consome 100GB, ou seja, o consumo incluido nem da para ver 6 filmes num mesO limite e ridiculo considerando que a propria vodafone inclui na sua publicidade a visualizacao de filmes 4k.

Não é defender a operadora até porque acho que as operadoras de comunicações em Portugal funcionam em cartel e se existi-se uma entidade reguladora séria á muito tempo que as coisas teriam mudado.Mas apesar de tudo 548 GB , 548 ?? É um valor absurdo de tráfego consumido. Se todos fizessem assim não havia rede que suporta-se.

O problema é da Vodafone se a rede não conceguir suportar o trafego. O cliente não tem que se priocupar com isso, a vodafone é que se tem que priocupar se o serviço que presta é suportavel pela sua infraestrutura. Em relação ao uso pessoal a vodafone nisto não tem hipótese. Apesar da vodafone mencionar que o trafego é para uso pessoal, nada nos termos mencionados no contracto e no site menciona que é pruibido o uso num rooter, num hotspot, ou PA movel estes serviços apesar de permitirem a partilha de Internet tembem podem ser usados para uso esclusivo pessoal. E essa e a rasão pela qual a vodafone anulou a fatura, a vodafone não tem como provar que o serviço não foi usado como uso pessoal visto que ativares o PA movel para usares o teu portatil para ir a net é claramente uso pessoal e dentro dos limites do contrato.

Só um burro é que cai nos dias de hoje, num tarifário descrito como ilimitado de qualquer operadora.

Calma contigo. O tarifário é ilimitado. Depois há o PUR mas neste caso, pelo que dizem, foi mesmo um erro.

Se não te limitam no tráfego, limitam-te na velocidade.

Provavelmente para streaming de TV pois para estoirar 600GB num mês é obra, mas daqui saltam duas coisas primeiro se é ilimitado é ilimitado (como em casa) depois o valor cobrado por GB é um exagero.

Basta jogares num laptop através de um Hotspot Wifi criado pelo Smartphone, facilmente atinges valores exagerados, talvez mesmo próximos deste.

Gasta pouco tráfego? Não me digas que o carregamento constante de mapas e texturas e whatever são meros kb…

Não são meros kb, mas são meros mb.
Claro que se jogares 24/7 chegará aos Gigas, mas nem de perto aos 500Gb.

Em jogos online as texturas estao na instalaçao. O trafego servidor/cliente apenas atualiza onde o jogador esta e o que está a fazer.

Agora se for streaming de um jogo, tipo Stadia ou GeForce Experience aí sim, o download é pesado.

E eu a julgar que com o tempo, a mentalidade do tuga tinha evoluído, continuando assim a acreditar que o Pai Natal existe.

+1
Já dá para entender porque nos vamos aproximando cada vez mais da cauda da Europa.
Há mais imposto, menos saúde, serviços públicos não funcionam, mas vamos votar nos mesmos, pode ser que isto mude. Mentalidades.

Vai as paginas dp facebook de cada uma das tres operadoras, NOS, MEO e Vodafone e ve quem é que tem os comentarios mais negativos…

A pessoa impactada já veio dizer no forum que foi um erro da vodafone.

“A utilização de dados móveis é ilimitada em território nacional e em roaming, no Espaço Economico Europeu, está sujeita a uma Política de Utilização Responsável…”

“Todos os tarifários Infinity são apenas para utilização pessoal (por pessoa física), individual e exclusiva do utilizador final no respetivo smartphone, não podendo, em caso algum, ser utilizados de forma a pôr em causa a segurança ou o bom funcionamento da rede da Vodafone. ”

“O cliente autoriza a Vodafone a monitorizar a utilização do serviço com vista a evitar situações de fraude ou utilização indevida do serviço”… “a Vodafone reserva-se o direito de notificar o cliente de tal facto e, caso o padrão de consumo do cliente se mantenha, aplicar restrições à utilização do serviço ou mesmo suspender ou terminar o contrato de prestação de serviços.”

Acho que o busilis está mesmo no ultimo paragrafo, ou seja, a Vodafone viu que a utilizacao nao estava a ser feita por uma pessoa individual e só deveria ter feito:

1. notificar o cliente
2. aplicar restrições à utilização do serviço
3. suspender ou terminar o contrato

Não vejo aí menção a cobrança exagerada de montante.

Apesar da vodafone mencionar que o trafego é para uso pessoal, nada nos termos mencionados no contracto e no site menciona que é pruibido o uso num rooter, num hotspot, ou PA movel estes serviços apesar de permitirem a partilha de Internet tambem podem ser usados para uso esclusivo pessoal. E essa e a rasão pela qual a vodafone anulou a fatura, a vodafone não tem como provar que o serviço não foi usado como uso pessoal visto que ativares o PA movel para usares o teu portatil para ir a net é claramente uso pessoal e dentro dos limites do contrato. Quem percebe o minimo de redes sabe que a vodafone não tem como provar que ouve mais que um utilizador a usar a net visto que os requests da ligação foram todos feitos pelo mesmo IP (rooter, smartphone, etc…) visto que a vodafone não tem acesso ao que esta do outro lado desse IP e mesmo que tivesse a vodafone acesso se não tiver estipulado no contrato vai contra normas de Privacidade da UE. O voces penção que a vodafone anularia a factura por ser Natal XD.

Estes “Ilimitados” são culpa da ANACOM que come por baixo e está caladinha. Já quando foi pelas operadoras darem dados “Ilimitados” a certas aplicações conseguiu decidir que isso não pode acontecer simplesmente porque era em prol das operadoras e nunca no cliente.
100 euros por Giga é simplesmente vergonhoso e prova a Filha da P….ice que esta corja é, fazem tudo de costas quentes e nós temos que comer e calar. Quem nunca teve um problema com uma operadora que ponha o dedo no ar. Estes gajos conseguem meter limites nos ilimitados, nao avisar, e cobrar 100 euros por um giga a seguir, eu chamo a isto extorsão.

A Vodafone já assumiu que foi erro, por isso já chega de teorias da conspiração

Isto já é recorrente na Vodafone. Já me tentaram cobrar 120€ pelos mesmos motivos na net ilimitada de casa… com a desculpa que é ilimitada em certos termos e que eles sentem a obrigação de poder moderar a nossa utilização nos planos ilimitados para poderem controlar a transferência d dados que estejam sujeitas a direitos de autor… mas como raio sabem eles o que fazemos na net!?(como se não soubesse)… Enfim, recusei-me e pronto… foi só uma tentativa de um folgado da vodafone de tentar cobrar indevidamente.

O dicionário das operadoras deve ser diferente do nosso, já que ILIMITADO significa com LIMITES.

Era com a net há anos, nos outros paises da europa já exisitam pacotes mais baratos e ilimitados e cá ainda impunham limites e diferenciavam trafego nacional do internacional.
E se não fossem os piratas, nunca um cidadão comum testaria os limites da net “ilimitada”. Enganador

O que ele fez foi tethering / homespot e, em praticamente todo o lado e operadores, esse trafego é excluido ou muito limitado dentro dos pacotes de dados. não é prática exclusiva da vodafone ou dos nossos operadores. A Vodafone já admitiu que foi erro, mas mesmo assim, todos nós e comigo incluído, devíamos ter mais cuidado e ler efectivamente todas as condições contratuais, e ao termos alguma duvida pedirmos explicações de imediato.

“A utilização do tarifário é ilimitada desde que o mesmo seja utilizado apenas para uso pessoal (por pessoa física), individual e exclusivo do utilizador final no respetivo smartphone, não podendo, em caso algum, ser utilizados de forma a pôr em causa a segurança ou o bom funcionamento da rede da Vodafone.”
“O que acontece quando não forem cumpridas as condições de utilização do tarifário Infinity?
Em caso de utilização do serviço para fins não autorizados, a Vodafone reserva-se o direito de notificar o cliente de tal facto e, caso o padrão de consumo do cliente se mantenha, aplicar restrições à utilização do serviço ou mesmo suspender ou terminar o contrato de prestação de serviços.”

O mal é não ter recebido qualquer aviso (a ter acontecido isso) quando passou o limite ou detectaram a irregularidade no consumo.

Não concordo contigo Nuno, eu acho que a rasão é que em tribunal a vodafone estaria claramente em desvantagem pelas razões que menciono abaixo. Apesar da vodafone mencionar que o trafego é para uso pessoal, nada nos termos mencionados no contracto e no site menciona que é pruibido o uso num rooter, num hotspot, ou PA movel estes serviços apesar de permitirem a partilha de Internet tambem podem ser usados para uso esclusivo pessoal. E essa e a rasão pela qual a vodafone anulou a fatura, a vodafone não tem como provar que o serviço não foi usado como uso pessoal visto que ativares o PA movel para usares o teu portatil para ir a net é claramente uso pessoal e dentro dos limites do contrato. A unica maneira que a vodafone tem é pruibir o uso de rooters ou Hotspots, e mesmo assim PA movel fica de fora devido a ser um smartphone. Eu não sou um intendido em redes mas sei que tanto no PA movel com num rooter ou Hotspot (exepto se o equipamento for da propria vodafone) a vodafone não concege ver o que esta para lá do IP do smartphone do rooter ou do hotspot pois não tem acessos para o que esta alem desse IP e mesmo que tivesse acho que as normas da UE não permitem o uso dessa informação pois são dados privados do utilisador só se utilizador permitir em contrato o acesso a tal informação. O unico tipo de controle que a vodafone tem é, que trafego está a passar qual o destino e que requests o IP do cartão SIM esta a fazer mas não sabem por quem do outro lado estão a ser feitos.

Hoje em dia não é dificil com as velocidades de net entre 100Mb por segundo e mais fazer 1Tb.O que eu acho graça é certas pessoas aqui nos comentários não condenarem a operadora mas sim o pobre consumidor.Assim se percebe o tipo de pessoas que existem em Portugal.

Ficámos a saber que ILIMITADO e INFINITY, significam 548GB.

O mais provável é ter usado o telemóvel como hotspot para o pessoal se ligar e ter net à borla.

Obviamente que foi um erro de facturação e rapidamente será apagado do registro do cliente.
Aliás, basta ir a tribunal e levar um dicionário para que se perceba o significado de Ilimitado, tal como fiz com outro operador que desistiu no momento de continuar o processo.

PP, é preciso aceitar as criticas. Estás a ser mau bloguer em nao aceitar os comentários que nada têm de insulto ou abusivo.

Casino Lisboa: aposte que vai ficar tudo bem

Com jogos bancados, slot machines, animação, música e espetáculos teatrais, restaurante e bar, o Casino Lisboa abriu há 14 anos e não mais encerrou as portas, até ao dia em que as máquinas se desligaram, a música deixou de se ouvir, as mesas e os corredores ficaram vazios e as luzes se apagaram. Foram 86 dias sem a companhia dos que tornam o dia a dia do casino verdadeiramente especial. Dia 8 de junho, o Casino Lisboa voltou a abrir portas para proporcionar a todos muita diversão, em segurança!

No seguimento da terceira fase de desconfinamento, o Casino Lisboa – que integra o grupo Estoril Sol – torna a viver dias especiais, privilegiando agora, mais do que nunca, a proteção da saúde, segurança e bem-estar de todos os colaboradores, clientes e da comunidade em geral.

"Aposte em nós, com confiança" é o mote do Casino Lisboa para esta nova fase, com o certificado Clean&Safe atribuído pelo Turismo de Portugal, na sequência da adoção de um vasto conjunto de medidas e de rigorosos procedimentos de natureza sanitária, que cumprem todas as orientações emitidas pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

A este selo, o Casino Lisboa junta uma segunda certificação que ajuda a promover ainda mais a confiança dos clientes, ao aderir ao serviço COVID OUT. Trata-se de um Selo de Confiança – Clean Surfaces Safe Places, emitido pelo ISQ, que garante a efetiva avaliação da eficácia de todas as medidas implementadas pelo Casino Lisboa. O objetivo é controlar a transmissão do SARS-CoV-2 e assegurar que todos os locais estão plenamente seguros, através de uma exigente monitorização e implementação do plano de reabertura dos diferentes espaços.

O Casino Lisboa cumpre todas as normas de higiene e segurança nos espaços de jogo e de entretenimento, passando uma mensagem de segurança e confiança aos clientes e colaboradores. As novas regras definem assim:

Na era da informação, quanto mais se souber sobre um dado assunto, melhor serviço se presta. É também assim no caso do combate à covid-19. Assegurando um rigoroso protocolo interno, o grupo Estoril Sol abraçou um vasto conjunto de medidas que visam o esclarecimento dos clientes tanto à entrada como dentro do próprio casino.

São informações úteis sobre os procedimentos a adotar para evitar o contágio do vírus e que estão disponíveis por via de um avançado sistema de multimédia e também em alguns cartazes afixados no Casino Lisboa.

Em estreita colaboração com o Turismo de Portugal, o grupo Estoril Sol agendou também um extenso programa de formação para os colaboradores, de todas as direções e setores, garantindo que estes se mantêm informados e preparados para se protegerem a si e a todos os clientes.

O Casino Lisboa voltou a abrir as portas e espera por si com a mesma expectativa daquele primeiro dia de inauguração há 14 anos. Seja novamente bem-vindo, em segurança, e apostemos juntos que vai ficar tudo bem!

Testes avaliam imunidade dos colaboradores

Comprometido com o desígnio nacional do combate à covid-19, e numa iniciativa pioneira, o grupo Estoril Sol disponibiliza a todos os colaboradores testes serológicos gratuitos, destinados a avaliar, com elevada precisão, o nível de imunidade de cada pessoa. Desta forma, é possível detetar a presença de anticorpos e ainda a resposta imunitária contra o SARS-CoV-2, permitindo ao grupo obter informações sobre a prevalência desta doença nos colaboradores.

Comprometida com o desígnio nacional de combate à crise pandémica do novo coronavírus (COVID-19) e cumprindo a Resolução do Conselho de Ministros, da passada sexta-feira, o Casino Lisboa irá implementar ate dia 15 de Julho, uma redução do seu horário de funcionamento. Abre portas às 11 horas, estando apenas disponíveis os acessos às áreas das salas de máquinas automáticas e respetivos bares de apoio. Posteriormente, às 15 horas, os visitantes poderão aceder às restantes áreas públicas do Casino Lisboa, nomeadamente salas de jogos tradicionais, bares centrais e galerias de arte. O encerramento será às 20 horas.

Perguntas e respostas

Adicione um comentário
Classificação
4.4
Betway
Bónus até 100€
Artigos relacionados
23-06-2020
Cartão de Crédito Cashback: o que é e como funciona
Cartão de Crédito Cashback: o que é e como funciona

Os cartões de crédito com cashback oferecem a possibilidade de reaver uma percentagem do dinheiro gasto com o seu cartão em cada mês...

13-04-2020
Como Assistir a Jogos de Futebol em Directo Gratuitamente no PC ou Celular
Como Assistir a Jogos de Futebol em Directo Gratuitamente no PC ou Celular

Os amantes de esportes estГЈo sempre interessados em acompanharem os principais jogos de futebol em directo nos seus dispositivos portГЎteis...

06-05-2020
Casino Online Sem Depósito – Casinos online legais estrangeiros no top 3 em Portugal
Casino Online Sem Depósito – Casinos online legais estrangeiros no top 3 em Portugal

Os maiores clássicos dos games podem ser jogados com seus amigos e com pessoas de todo o mundo, para que...

30-09-2020
Como escolher os melhores casinos online?
Como escolher os melhores casinos online?

A missão de escolher um bom casino online é mais difícil que parece...

20-09-2020
60+ Slots to Play for Real Money Online (With No Deposit Bonus)
60+ Slots to Play for Real Money Online (With No Deposit Bonus)

Trying to understand how to play real money slots for free and have a chance at some good prizes? You are not alone...

16-01-2020
Megaoperação da PJ na cadeia de Paços de Ferreira
Megaoperação da PJ na cadeia de Paços de Ferreira

A Polícia Judiciária (PJ) informou ter realizado uma “operação de grande envergadura” no combate ao tráfico de estupefacientes na cadeia de Paços de Ferreira, que incluiu 52 buscas em estabelecimentos prisionais, domicílios e espaços comerciais...

top